PrEP – o que você precisa saber

O que é PrEP?

A PrEP é um ciclo de medicamentos de HIV, que são tomados por pessoas soronegativas antes e depois do sexo para reduzir as chances de contrair o HIV.

 

Os resultados em ensaios têm demonstrado sucesso, com a PrEP reduzindo significativamente o risco de se tornar soropositivo e sem grandes efeitos colaterais.

 

A medicação usada para a PrEP é um comprimido que contém tenofovir e emtricitabina (às vezes conhecido como Truvada).

Como a PrEP funciona?

Tomar a PrEP antes e depois de ser exposto ao HIV significa que há medicamento suficiente dentro de você para bloquear o HIV, caso ele entre em seu corpo, antes que tenha a chance de infectá-lo.

Com que frequência você deve tomá-la?

A PrEP é licenciada para o uso diário, mas estudos mostraram que pode ser efetiva quando tomada de forma episódica.

As 2 formas de tomar a PrEP são:

  • tomada regularmente (1 comprimido por dia);
  • tomada apenas quando necessário (2 comprimidos 2 horas antes do sexo, 1 comprimido 24 horas após o sexo e 1 outro comprimido 48 horas após o sexo). Essa geralmente é chamada de dosagem “de acordo com as necessidades” ou “baseada em eventos”.

 

Ambos os métodos demonstraram ser eficazes. Se a PrEP estiver disponível na Irlanda, é provável que ambas as alternativas sejam usadas, dependendo da mais adequada.

Quem poderia tomar a PrEP?

Pessoas que correm alto risco de contrair o HIV. Isso inclui homens gays e bissexuais, minorias étnicas, pessoas trans e aquelas em um relacionamento com um parceiro soropositivo que não estiver em um tratamento bem-sucedido.

 

Outros fatores estão relacionados a um maior risco de HIV. Eles incluem:

  • uma IST recente (especialmente infecção retal ou sífilis);
  • uso recente de PEP (profilaxia pós-exposição);
  • uso de algumas drogas recreativas para o sexo (crystal meth, mefedrona ou GHB), também conhecidas como drogas para sexo químico.

 

Qualquer um desses fatores significa que você provavelmente se beneficiará ainda mais ao tomar a PrEP.

Onde eu posso receber a PrEP?

No momento, a PrEP não está disponível na Irlanda.

 

Na Irlanda, é ilegal fornecer medicação por correspondência, inclusive através da internet. A Autoridade Reguladora de Produtos de Saúde fornece informações para o público em relação à obtenção de medicamentos pela internet, que estão disponíveis aqui.

 

Recentemente, atualizamos nossas informações sobre como receber a PrEP online. Você pode ler as informações aqui.

A PrEP foi recentemente disponibilizada na Escócia. Para mais informações sobre a PrEP, recomendamos que verifique o site prep.scot.

O que você precisa fazer antes de tomar a PrEP?

Fale com um orientador de saúde, enfermeiro ou médico na clínica. Eles podem ajudá-lo se estiver planejando tomar ou já estiver tomando a PrEP.

 

É muito importante fazer um teste de HIV antes ou assim que começar a tomar.

 

A PrEP só pode ser usada se você for soronegativo. Se você já for soropositivo e não perceber isso, poderá desenvolver resistência aos medicamentos que precisará para o tratamento.

 

Peça para fazer um teste de HIV de “4a geração”. É também chamado de teste “antígeno/anticorpo combinado”. Indica o seu status de HIV de aproximadamente 4 semanas atrás. Atualmente, a maioria dos exames de sangue com punção digital é de “3a geração”. Eles informam o seu status de HIV de aproximadamente 3 meses atrás. Portanto, não confie apenas em um teste de punção digital antes de iniciar a PrEP.

 

Se você for iniciar a PrEP e tiver corrido risco nas últimas 4 semanas, faça outro teste de HIV de “4a geração” 4 semanas após iniciar a PrEP, apenas para ter certeza de que uma infecção precoce não passou desapercebida. Não inicie a PrEP se tiver sintomas de gripe e um risco recente de HIV. Isto serve para verificar se esses sintomas não estão relacionados a uma infecção recente pelo HIV (isto é, soroconversão).

 

Se for iniciar a PrEP após a PEP, é melhor começar imediatamente se estiver correndo risco. De preferência, você deve fazer um teste de HIV ao terminar a PEP/iniciar a PrEP, mais outro teste após 4 semanas de uso da PrEP.

 

Lembre-se de que o sexo sem proteção enquanto estiver tomando a PrEP reduzirá o seu risco de contrair HIV, mas não o risco de contrair as outras ISTs, então use preservativos para reduzir esse risco.

 

Você também precisará verificar a sua função renal. O monitoramento do rim envolve apenas um exame de sangue para a creatinina e um exame de urina para a proteína. De preferência, esses devem ser feitos antes ou no dia em que você começar a PrEP.

O que você precisa fazer enquanto estiver tomando a PrEP?

Após iniciar a PrEP, o monitoramento é importante.

 

A cada 3-4 meses:

  • faça um teste de HIV de “4a geração”. Chamado também de teste de HIV “antígeno/anticorpo”;
  • faça um acompanhamento para as ISTs;
  • faça um exame de urina com tira reagente para a proteína quando fizer o seu check-up de IST. Se houver mais de um indício, um exame de sangue ou urina adicional poderá ser marcado para a função renal.

 

A cada 12 meses:

faça um exame de sangue para verificar a sua função renal.

E quanto a outras infecções sexualmente transmissíveis?

A pesquisa mostrou que a PrEP é altamente eficaz na prevenção do HIV, desde que seja administrada como indicado.

 

No entanto, a PrEP não te protegerá de outras ITS, enquanto os preservativos protegerão. Se estiver usando a PrEP, é importante fazer acompanhamentos regulares de IST a cada 3 meses para que você possa tratar outras infecções.

 

SER TESTADO
PRECISO FALAR
BAIXAR ESTA SECÇÃO
VER FOLHETO
EMERGENCY EXIT